Como aparecer no Google? Essa é a pergunta de mais de 1 milhão de dólares e dependendo do seu tipo de negócio, a resposta a ela pode valer até mais. Se você quer conhecer os fatores que realmente importam para melhorar seu posicionamento no senhor das buscas mundiais nós vamos te ajudar!

Claro que ninguém sabe ao certo quais são os fatores mais preponderantes para que o Google faça o julgamento de colocar um site na primeira posição em relação aos outros. O próprio Google confirma que são mais de 200 fatores para definir quais páginas ficarão melhor posicionadas quando se faz qualquer tipo de pesquisa.

E você mesmo também influencia nisso, pois com os dispositivos móveis até a sua localização física interfere no resultado, mas uma coisa podemos afirmar: as boas práticas de SEO ajudam (e muito) nesse grande desafio.

Então, se você estava quebrando a cabeça para conseguir ranquear seu site no topo das buscas, não precisa se desesperar! Nesse artigo, vamos te explicar o passo a passo para você chegar ao topo dos resultados do Google com a ajuda das técnicas de SEO, que servem para todos, independente do setor de sua empresa.

Então continue a leitura e fique por dentro de todos os detalhes!

Afinal, como aparecer no Google?

O algoritmo do Google é um dos maiores mistérios da internet e está cada vez mais complexos. Mas, não faltam profissionais tentando desvendar seu funcionamento. Enquanto isso, o principal buscador, guarda a sete chaves os segredos do ranqueamento na primeira página de resultados nas buscas.

Existem duas formas para alcançar boas posições: por meio da mídia paga, Adwords ou aplicando as técnicas de ranqueamento orgânico, o SEO. Antes de mais nada, Search Engine Optimization, o famoso SEO, é o conjunto de técnicas de otimização para sites, blogs e outras páginas da internet que visam conquistar boas posições orgânicas gerando tráfego para seu site e autoridade para sua marca.

Otimizar seu site com a aplicação desta técnica possibilita um quality score positivo, e assim ele será considerado relevante entre o oceano gigantesco de opções disponíveis no site de busca.

Se o seu negócio não aparece na primeira página, você está perdendo para seus correntes vários visitantes que são na realidade clientes em potencial.

Confira agora o passo a passo para aplicar os principais fatores de ranqueamento de SEO para o Google!

7 dicas de SEO para você ranquear melhor seu site

Só para você ter uma ideia 90% das pessoas que fazem pesquisas clicam apenas nos resultados que aparecem na primeira página de busca. Além disso, 60% de todo tráfego pertencem as três primeiras posições. Então, se você quer aparecer no Google é impossível deixar de lado a estratégia de SEO.

Aplicá-las corretamente proporciona:

  • aumento do tráfego no seu site;
  • melhora a experiência do usuário;
  • amplia a autoridade da sua página;
  • possibilita o maior retorno Sobre Investimento (ROI).

Conseguiu entender a importância de conquistar o topo das buscas? Então, confira as dicas de SEO para você aparecer no Google!

#1 Conteúdo de qualidade

Não poderíamos iniciar este tópico sem esse alerta: não copie conteúdos de outros lugares. Além de não te ajudar a ranquear melhor seu site, ainda pode puni-lo severamente. Essa é a hora de colocar em prática todas as suas estratégias de marketing de conteúdo para oferecer às pessoas materiais relevantes.

A autoridade de sua marca é reforçada pelos conteúdos de qualidade que você oferece. Resumindo, quanto mais conteúdos de qualidade você publicar dentro de um tópico, mais relevante você será para o senhor das buscas. Só para exemplificar, quando o usuário estiver buscando algo dentro desse tema, o Google terá confiança de que você entregará uma boa resposta.

#2 Entenda a intenção de busca dos usuários

Basicamente, o SERP consiste em fazer com que as pessoas busquem por algo no Google e encontre a resposta em seu site. Por isso, uma das tarefas mais importantes para colocar essa estratégia em prática e entender como seu público faz a pesquisa. Você sabe quais são os termos e palavras chaves que ele usa?

Uma forte tendência desse ano é que as buscas estão virando conversas. Pesquisas como “posso usar o fgts para construir” ou “qual celular comprar” estão aumentando cada vez mais. Sem contar que o buscador está se tornando um conselheiro pessoal.

A otimização para as intenções de busca é outra direção bem forte. Para acertar, basta se colocar no lugar do consumidor para entender suas necessidades e buscas ao longo de sua  jornada de compra.

#3 Otimização do título

Sem dúvidas, o título da página é um dos elementos mais importantes quando o assunto é SEO on page. É importante destacar aqui que não necessariamente ele é o título do artigo, ele pertence ao código HTML que você pode ver na página de resultados do Google ou na aba do navegador. É indispensável que a palavra chave esteja ali, preferencialmente no início.

Por isso, gaste tempo pensando em um título atrativo que ajude o usuário a encontrar o que procura de forma rápida e eficaz, e mais uma vez voltamos a falar da famosa experiência do usuário.

#4 Pesquisa de palavra-chave

Além de estar no título, a palavra chave precisa aparecer nas primeiras 100 palavras do texto. Também é importante colocá-la no primeiro subtítulo, que ajuda a ranquear melhor, já que torna o conteúdo mais escaneável. Da mesma forma, a insira no decorrer do texto, mas desde que faça sentido, não force a barra. Antigamente, a técnica keyword stuffing, que consistia em usar muito a palavra-chave, era absurdamente utilizada.

Mas como o algoritmo de busca está cada vez mais complexo, você não precisa focar mais na correspondência exata da palavra-chave e nem repeti-la constantemente ao longo de seu conteúdo.

A dica é explorar ao máximo o campo semântico do assunto de maneira natural com variações, sinônimos e palavras relacionadas. Isso oferece ao usuário uma experiência de leitura valiosa.

#5 Meta descrição

A meta descrição é uma breve descrição sobre o conteúdo da página. Ela não é um fator decisivo de ranqueamento no Google, isto é o que está escrito nela não influencia no posicionamento da página, mas ela é decisiva para atrair o clique do usuário. Por isso, as técnicas de SEO recomendam que ela seja muito atrativa, contenha a palavra chave e o texto tenha cerca de 153 caracteres.

Nesse caso, o contexto aqui é que quanto mais você for referenciado em outras páginas do universo de seu negócio, mais o Google vai entender que seu conteúdo é valioso e deve ser colocado nas primeiras posições.

Se seu conteúdo for bom, isso acontecerá organicamente, mas você também pode dar aquela ajudinha e adotar estratégia de link building que pode ser feito de duas formas:

  1. Links internos: direcionam para uma outra página dentro do mesmo domínio. Eles ajudam a melhorar a autoridade de um site com a vantagem do controle estar em suas mãos. Mas, é importante reforçar que o excesso de links causa o efeito reverso, portanto use essa tática moderadamente e somente com conteúdos de relevância para o assunto pesquisado.
  2. Links externos: eles estão diretamente ligados a relevância de seu conteúdo, com outros sites o referenciando. Outra dica para colocá-lo em prática é trocar informações com quem também se interessa pelo conteúdo e criar alianças de link building externa.

#7 Site responsivo

Mais da metade das buscas no Google são realizadas por dispositivos móveis. Dessa forma, a gigante das pesquisas prioriza os sites que são responsivos, que são aqueles que independente do dispositivo se ajustam harmoniosamente em qualquer tela, isso também ajuda na velocidade de carregamento da página.

Com isso, ao serem atraídos pelo Google, seus visitantes irão navegar pela sua página de forma muito mais intuitiva e sem complicações. Isto, ainda ajuda na redução das taxas de rejeição.

Vá além depois dos primeiros resultados

Agora que você já aprendeu o passo a passo básico de como aparecer no Google nas primeiras posições é hora de arregaçar as mangas e praticar todas as técnicas que apresentamos para você aqui.

Mas é importante que você tenha em mente que com a constante evolução da internet mais práticas podem surgir. Por isso, continue estudando, aprendendo e testando novas estratégias para que você vá além dos primeiros resultados.

Ao optar pela estratégia de ranqueamento orgânico seu crescimento de imediato pode até ser tímido. Só que com o tempo e aprimoramento contínuo seu trabalho vai aparecer e compensar todo esforço investido.